.

.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Encontramos o papai-noel de susto

.


.
Bom, aí deixamos a tia Raice em casa e um carro quase bate na gente. O cara não conhecia Moema, quase entrou numa contra-não daquelas, na Hérlio Pelegrino. Bom, vai daí que a gente falou, esse cara não é daqui, impossível gente. Quando paramos lado-a-lado, levamos o maior susto. O cara é do pólo-norte gente, era o papai-noel em carne e pescoço. O Dani, que já estava com a máquina na mão, por que a gente ia fotografar o Parque, mais que depressa ( naquela lerdeza dele) tirou uma foto. O papai-noel ainda fez: HUAHUAHUA.
.

Nenhum comentário:


voltar pro céu