.

.

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Poeminha enfeitado de cor - da minha janela

.
Começou assim, cores bem discretas,
tudo menina bem-comportada,
aquarela manchada de cinza,
sombreada por construções silenciosas.
.
Cimento, com inveja do Céu,
se tingiu de cor e refletiu a tarde
com toda força de seu coração de pedra ofendida.
.
Cada detalhe exalava Céu, Sol, Firmamento, enchendo de luz a pele da cidade.
.
Lua, dama quieta mas atenta, apareceu para conferir tanta brincadeira.
.
E observou - de rabo de olho - tanto acontecimento efêmero.
Quem tem olhos pôde ver, quem tem coração pôde sentir.
.
E Lua - engraçado -
que não é de ninguém,
estava lá pra todo mundo.
.


Ah, virgem santa! que chegou Vermelho esbaforido, apressado e potente, 
como que esquecido de algo, andando de um lado pro outro, 
fazendo festa na palheta do céu.
Tudo que é cor ficou emprestada de Vermelho.
.

E devagarzinho - num segundo que só Terra sabe girar - 
Vermelho foi ficando sonolento, preguiçoso.... quase dormindo.
Então, Céu descansou dessa bagunça toda, de tanta cor pra-lá-e-pra-cá, 
chamou Azul e calou a cor.
.
E o dia acabou Azul, melancolia de Flor.
Mas não desespera não,
que amanhã, começa tudo de novo,
só que diferente.
Por que o que Céu sabe de cor,
a gente pensa saber de cor.
Mas sabe nada não, nem precisa.
Quem tem olhos pode ver.
Quem tem coração pode sentir.
.
as fotos são daqui da minha janela...
eitcha que essa janela tem história

38 comentários:

Djabal disse...

Esse é o segredo, calma no olhar, tempo para pensar e talento para escolher as palavras. O céu que nos protege. Felicidades sempre.

Leonardo B. disse...

[das melhores coisas que o circo do mundo tem, é a habilidade de se rebolar sobre si própria, numa terna cambalhota, não vá a tripulação enjoar... um dia, só mais um dia, para que tudo renasça, é ao mundo um quanto basta]

um incondicional,
transatlântico abraço, Walkyria

Leonardo B.

M.Barth disse...

Coisa mais linda!

Janela diz tanto, não é mesmo? Ela aberta então, é um mundo de possibilidades que não se mede!

Gerana Damulakis disse...

Lindos: versos e imagens.

Mary Pereira disse...

Fez explodir cores em mim! Me misturei no colorido de seu poema. Lindo!

Que delícia ter descoberto este espaço.

Beijo

Mary Pereira
www.fotografandopensamentos.blogspot.com

Mary Pereira disse...

Ah! E já estou a seguir!
=)

Tatiana disse...

"as imagens valem mais que mil palavras!" ótimo

nydia bonetti disse...

... o sol está morto! que nada. amanhã ele nasce outra vez. pra morrer amanhã outra vez... ando que nem eu me aguento. :) mas isto tá lindo wal. beijo.

Carol Morais disse...

Como que pode, esse céu da tua janela ter tantas cores diferentes? Tantas cores bonitas?

Eu queria poder ver cores e cores da minha janela...mas sempre vejo variações de azul.

E eu reclamando? com variações de azuis, o que mais quero eu? Tem gente que só vê o céu cinzento.

Um beijo

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Djabal
o céu que nos protege.... ter tempo interiro para saber-se protegida!
obrigada....

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Leonardo
nessas votas que o mundo dá, vamos rebolando no descopasso de nosso corações. Mas chegamos todos ao mesmo lugar.
obrigada amigo!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Monique
gostei tanto de ter te conhecido, assim meio que naquela confusão do TT.
Ne deu calma, chão, e sim, uma janela é um mundo.

Deus me livre de fechar as janelas do meu coração.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

gerana
vc já tá ficando suspeita por aqui. gosta de tudo....hehehehe...
amiga de todos os momentos, até os vergonhosos....

que todos temos.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Mary
amei teus poemas
amei teu blog
já estou lá!

bárbaro poder encontrar o que nos surpreenda

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Tatiana
valem mesmo né?

obrigada pelo vôo no céu!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Ai Nydia
fala assim não que passo uma semana sem dormir quando vc me elogia.....hehehehe

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Nydia
tem dias que a melancolia dá um tempo.....

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Carol
Sampa tem disso, estamos num planalto e numa cidade muito grade.
Eu tenho a sorte de olhar o céu na hora certa.
Outro dia o Hélcio disse uma coisa linda. Da beleza distraída de são paulo.

a gente tem que ficar esperta.

VALVESTA disse...

Olá amiga, estou super feliz por sua chegada, minha seguidora numero 100, e ainda sendo minha chará, tb uma guerreira valquiria, lindo seu espaço, tb estou a seguila, seja bem vinda, e receba um grande abraço no coração.
Amei sua fotos, e o seu olhar, muitos vão a janela e vê, poluição, zinsa dos predios e outros pontos negativos, mas tu foste a janela e viu a beleza que antes de estar lá fora estava em teu coração, parabéns por ser linda, tb ai dentros, beijos.
(tb valquiria calado, valkiria calado).

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Oi CHARÁ

Valkiria.... sua seguidora 100, vc vê que coisa! Tava escrito.

Obrigada querida pelo carinho todo, entre e fique á vontade, o céu é seu.

Ah, que bom mais uma guerreira no barco!

betina moraes disse...

teu coração é só sentidos, minha querida observadora do mundo.

não há como escolher o que ficou melhor, imagens ou versos, as duas coisas casaram-se contigo e tiveram dias inspirados!


um beijo, amore.

Michelle disse...

Oi Walkyria!
Que fotos lindas!
Estou certa de que essa janela só pode ter muitas histórias mesmo! Com uma vista dessas no mínimo uma infinidade de pensamentos inspirados por essas paisagens...
E que bom que amanhã começa tudo de novo e que seja diferente, assim continuamos vivendo cada surpresa como essa lua linda! Que apesar de ser a mesma, nos parece sempre diferente!
Beijo grande!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

BB
sou sentido e ressentidos..... mas não se pode ser apenas um lado de uma moeda, né?

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Michele
é legal e intrigante que seja tudo igual e, no entanto, diferente. Obrigada por vir aqui, por me dar essa brisa de esprança e alegria.

Sylvio de Alencar. disse...

Fotocas de fazer inveja a um Sylvio da vida..., digna de uma Gisele, de uma Mercedes!

Quanto aos versos, às impressões poéticamte dispostas, é como estivesse te ouvindo, ao seu lado, apoiado no batente da janela...


PV.: cation
Trad.: a Física nos brinda com palavras que aprecio muito!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

ah, vc, me incentivando...brigadinha querido....


tava lindo isso, esse dia...

Sylvia Araujo disse...

E os dias, incansáveis bailarinos, soprando beleza assim, sem cobrar nada em troca.

Lindeza, querida!

Beijoca

Ivan Bueno disse...

Walkyria,
Adorei a combinação poema e fotos, mas especialmente feita assim, com uma sequência de fotos que vão seguindo a toada do poema.
Sigo lendo e também já sou seguidor. Como somos contatos lá no Facebook, te aguardo agora também lá no meu blog Empirismo Vernacular. Será muito bem vinda.
Beijo grande.

Ivan Bueno
blog: Empirsmo Vernacular
www.eng-ivanbueno.blogspot.com

Sergio disse...

Olha, Walkyria, sabe o q acabo de fazer? Separei o texto aqui das fotos. Nada contra as fotos, e realmente a obra foi composta pensando as fotos. Mas, o efeito é o mesmo, sabia? Sem fotos a mesma beleza! Sem fotos a mesma impressão.

E, Gente fina, eu estou encantado, embevecido pq encontro aqui idéias muito semelhantes sobre as coisas que escrevo. Preocupações, as mesmas, encantamentos, os idéns!... Claro, vc dá de 10! Mas e dá í! rs rs rs...

Moça, depois que vc coloriu todos os melhores livros de colorir, você já provou um com letrinhas? rs... (ironia fina, hein?)

Não pq vc, a gente, quer dizer, tem tantas semelhanças q só me falta ter lido a minha bíblia, chama-se Jean Christophe e o autor Romain Rolland.

De vez enquando, Wal, eu não paro mais de falar e citar esse livro e coincide sempre quando estou no meu melhor espiritualmente.

Uma vez, com a Mercedes do Cosmunicando, q vc tem q conhecer, http://cosmunicando.blogspot.com/ eu a convenci de ler o livro. Ocorre que não é UM livro, são 5 volumes! dificílimos de se achar - só em sebos! Eram chamados na época romances rios... Enfim, ela leu o 1º volume. Já faz tempo, não sei se foi atrás do dos outros, mas pelo q me disse, ficou, como todo mundo fica, literalmente, encantada!

E as idéias humanista do Romain estão tão dentro de você que o q me custar indicar ou saber se esse romance já passou/ainda está passando por toda a sua vida?

Pra fechar, o cara é Nobel em 1915. Manja q te fa bene o que era a concorrência em 1915, moça!

Beijos!

E é claro q já peguei o teu trem e.como é praxe nos que o tomam, só não estou acomodado. Há muitos poltronas pra sentar e apreciar as paisagens. j

Sergio disse...

Olha, Walkyria, sabe o q acabo de fazer? Separei o texto aqui das fotos. Nada contra as fotos, e realmente a obra foi composta pensando as fotos. Mas, o efeito é o mesmo, sabia? Sem fotos a mesma beleza! Sem fotos a mesma impressão.

E, Gente fina, eu estou encantado, embevecido pq encontro aqui idéias muito semelhantes sobre as coisas que escrevo. Preocupações, as mesmas, encantamentos, os idéns!... Claro, vc dá de 10! Mas e dá í! rs rs rs...

Moça, depois que vc coloriu todos os melhores livros de colorir, você já provou um com letrinhas? rs... (ironia fina, hein?)

Não pq vc, a gente, quer dizer, tem tantas semelhanças q só me falta ter lido a minha bíblia, chama-se Jean Christophe e o autor Romain Rolland.

De vez enquando, Wal, eu não paro mais de falar e citar esse livro e coincide sempre quando estou no meu melhor espiritualmente.

Uma vez, com a Mercedes do Cosmunicando, q vc tem q conhecer, http://cosmunicando.blogspot.com/ eu a convenci de ler o livro. Ocorre que não é UM livro, são 5 volumes! dificílimos de se achar - só em sebos! Eram chamados na época romances rios... Enfim, ela leu o 1º volume. Já faz tempo, não sei se foi atrás do dos outros, mas pelo q me disse, ficou, como todo mundo fica, literalmente, encantada!

E as idéias humanista do Romain estão tão dentro de você que o q me custar indicar ou saber se esse romance já passou/ainda está passando por toda a sua vida?

Pra fechar, o cara é Nobel em 1915. Manja q te fa bene o que era a concorrência em 1915, moça!

Beijos!

E, claro q já tomei este trem e como é praxe só não estou acomodado. Há muitas poltronas e janelas pra se apreciar a paisagem de ângulos totalmente distintos.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sylvia
vc deixou o poema completo!

obrigada querida
bem vinda
engraçado que li este depois do comment de cima....

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Ivan
nossa, sabe que li o outro comment de cima antes desse, e te citei pq adorei tua resposta no blog da Sylvia.
iche, complicou!

Mas então, tô no trabalho, assim que chegar em casa te procuro, oba, adoro gente nova.

Obrigada pelo comment tão doce, bonito, interessado.
Ai, ai, eu tenho mesmo muita sorte na vida!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sérgio
volto depois, pq filho, tenho que trabalhar, não posso me deter 2 horas pra te responder....hehehe

engraçadinho.... tô colorindo ainda, viu!
hehehe

Sergio disse...

Me dei bem! Trabalho em casa.

Em tempo, longe de mim te tomar duas horas do seu precioso tempo, imagina genten!

Uma hora e 45 minutos só pra mim duas vzs ao dia, já tá de ótimo tamnho. Imagina genten!

Beijos!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Mas Sérgio
trabalho em casa tbm, e fora, meu nome é trabalho...

Bem, eu tenho um estoque de livros de colorir.... mas leio uma coisa ou outra, no meio temo.
Não, não coneço o Jean Christophe e o autor Romain Rolland. São dois?

Hum...vou me informar, pq pode ser mesmo que eu tenha de ler. Acho o máximo as novidades que as pessoas trazem pra minha vida, aliás, é isso que as pessoas são, novidadeiras.

Senta no trem, levanta, muda de lugar, só não pula em movimento, por favor...

beijão

Conheço a Mercedes, mas achei que ela tinha parado o blog... engraçado... vou lá qqr hora.

Sergio disse...

Ah, Walkyria (ñ consigo chamar-te Wal...) Mas Walkyria, se teu nome é trabalho quem sou eu pra te dar mais um? Quem é Romain Rolland... Ó, toma o link:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Romain_Rolland (ele é desconhecido, proporcionalmente ao poder de sua obra!) Tenho 50 anos, falei dele com todos q conheço, desde q li, há uns 20 anos, e encontrei uma (1) única pessoa q leu, e uns 3 q o conhecem. Culpa dele? Culpa da pressa deste mundo, claro!

Mas voltando ao q me trouxe: olha, Gente Fina, o problema vai ser achar, mas se passares num sebo, di bob, ou der uma busca nos da internêta achas. Tanto a preços módicos como a preços colossais! rs rs rs... Mas depois, toda grata, não me venha me querer agarrar à força – até pq à Candice eu me entrego antes - pq esse livro vai ampliar tanto o teu céu q... sei lá, o infinito pode te ficar até compreensível. E sem babação (só do Romain): sendo você como já te enxergo... depois me explica o que eu não entendi?

Ah! A Mercedes é uma linda q se perdeu de mim, mas qualquer hora ela me acha e eu tbm deixo numa boa ela me agarrar.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sérgio
bem, confesso que não me animei muito, fui no link.... vamos ver vai, quando estiver de bob. por aí, entro num sebo e veremos o que a sorte manda. Pq acredito que o livro escolhe a pessoa.

Mas vai daí que já li muita coisa séria na minha vida.... agora só romance. Não sou uma pessoa séria....heheh

E essa agarração toda faz bem à alma, pelo menos à alma internética.

Só peço que vc não se deixe agarrar ao mesmo tempo pelo cosmos e pelo céu.

E o quê está te causando dúvida?

Sergio disse...

Minina, minina, minina... O livro te escolherá, contanto que ele esteja lá.

E o agarrar, no caso, é no sentido da gratidão em caso de leitura. C entendeu. Só tá sendo mais muleca do que eu.

... Mas, cosmo e céu tudo ao mesmo tempo agora, eu ali naquele torvelino, como diria a filósofa Narcisa T, "Ai que loucura!"


voltar pro céu