.

.

quinta-feira, 2 de abril de 2015

A Páscoa e a Deusa Ostera


A Páscoa sempre representou a passagem de um tempo de trevas para outro de luzes, isto muito antes de ser considerada uma das principais festas da cristandade.

A palavra "páscoa" – do hebreu "peschad", em grego "paskha" e latim "pache" – significa "passagem", uma transição anunciada pelo equinócio de primavera (ou vernal), que no hemisfério norte ocorre a 20 ou 21 de março e, no sul, em 22 ou 23 de setembro.

De fato, para entender o significado da Páscoa cristã, é necessário voltar para a Idade Média e lembrar dos antigos povos pagãos europeus que, nesta época do ano, homenageavam Ostera, ou Esther – em inglês, Easter quer dizer Páscoa.

Ostera (ou Eostre) é a Deusa da Primavera, que segura um ovo em sua mão e observa um coelho, símbolo da fertilidade, pulando alegremente em redor de seus pés nus. A deusa e o ovo que carrega são símbolos da chegada de uma nova vida. Ostara equivale, na mitologia grega, a Persephone. Na mitologia romana, é Ceres.

A celebração de Ostera, comemora a fertilidade, um tradicional e antigo festival pagão que celebra o evento sazonal equivalente ao Equinócio da primavera. Ostera representa o renascimento da terra, muitos de seus rituais e símbolos estão relacionados à fertilidade. Ela é o equilíbrio quando a fertilidade chega depois do inverno. É o período que a luz do dia e da noite têm a mesma duração. Ostera é o espelho da beleza da natureza, a renovação do espírito e da mente. Seu rosto muda a cada toque suave do vento. Gosta de observar os animais recém-nascidos saindo detrás das árvores distantes, deixando seu espírito se renovar.

Os símbolos tradicionais da Páscoa vêm de Ostera. Os ovos, símbolo da fertilidade, eram pintados com símbolos mágicos ou de ouro, eram enterrados ou lançados ao fogo como oferta aos deuses. É o Ovo Cósmico da vida, a fertilidade da Mãe Terra.

O Domingo de Páscoa é determinado pelo antigo sistema de calendário lunar, que coloca o feriado no primeiro Domingo após a primeira lua cheia ou seguindo o equinócio.

Ostara foi cristianizada como a maior parte dos antigos deuses pagãos e a Páscoa adaptada e renomeada pelos cristãos, do feriado pagão Festival de Ostara, da maneira que melhor lhe convinha na época assim como a tradição dos símbolos do Ovo e do Coelho.
.
A Lenda de Ostera ou Eostre
Ostera tinha uma especial afeição por crianças. Onde quer que ela fosse, elas a seguiam e a deusa adorava cantar e entretê-las com sua magia. Um dia, Ostera estava sentada em um jardim com crianças quando um amável pássaro voou sobre elas e pousou na mão da deusa. Ao dizer algumas palavras mágicas, o pássaro se transformou no animal favorito de Eostre, uma lebre. Isto encantou as crianças.
.
Com o passar dos meses, elas repararam que a lebre não estava feliz com a transformação porque não podia cantar nem voar. As crianças pediram a Eostre que revertesse o encantamento. Ela tentou de todas as formas, mas não conseguiu desfazer o encanto. A magia já estava feita e nada poderia revertê-la. Eostre decidiu esperar até que o inverno chegasse, pois nesta época seu poder diminuía. Quem sabe quando a primavera retornasse e ela fosse de novo restituída de seus poderes, pudesse ao menos dar alguns momentos de alegria à lebre, transformando-a novamente em pássaro, nem que fosse por alguns instantes?
.
A lebre assim permaneceu até que, então, a primavera chegou.
Nessa época os poderes de Eostre estavam em seu apogeu e ela pôde transformar a lebre em pássaro novamente, durante algum tempo. Agradecido, o pássaro botou ovos em homenagem a Eostre.
.
Em celebração à sua liberdade e às crianças que tinham pedido a Eostre que lhe concedesse sua forma original, o pássaro, transformado em lebre novamente, pintou os ovos e os distribuiu pelo mundo.Para lembrar às pessoas de seu ato tolo de interferir no livre-arbítrio de alguém, Eostre entalhou a figura de uma lebre na lua, que pode ser vista até hoje.

24 comentários:

Senhor da Vida disse...

Belo texto de pascoa, sempre é bom renovar boas condutas, e a pascoa atenta pra isso: o livre arbitrio é algo muito importante nos dado pela espiritualidade. e só ela sabera avaliar o bom ou mau uso que fazemos dele.Beijos!

Walkyria Suleiman disse...

Sim, esse livre arbítrio é algo mesmo pra se pensar....um presente valioso e difícil. Beijão procê

Anônimo disse...

Ei, Walll, lindas estas simbologias,né?Travessia, fertilidade, alegria por um inverno que acabou, tudo é muito significativo e digno de ter uma celebração. Adorei, muito "pro" seu texto.Bjo saudoso da Mimi

Walkyria Suleiman disse...

Mimi, dá gosto ler coisa assim né? Bate dentro da gente. Saudade tbm.

OBERDAN disse...

A HISTÓRIA É LINDA O PERIGOSO É O OCULTISMO CAMUFLADO NESSA HISTÓRIA POIS NA PROPRIA DIZ QUE É UMA CELEBRAÇÃO OFERECIDA A DEUSA OSTERA,EOESTE EM COMO PREFERIR...
MAS A PALAVRA DO DEUS VIVO NOS EXORTA A TANTO.
TITO CAPITULO 1 VERSICULO 14
Não dando ouvidos às fábulas judaicas, nem aos mandamentos de homens que se desviam da verdade.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sabe Oberdam, eu acredito em fábulas, em lendas e em parábolas. Sou muito crédula. Quanto às lendas judáicas, delas, na transmissão oral, que se fez nossa fé e nosso conhecimento. É assim que vejo, mas respeito seu pensar.

viajante disse...

sou descendente de alemaes da pommerania,onde a deusa ostera era adorada ate mesmo depois do advento do cristianismo no norte da europa,eu mesmo venero ostera,quando em contato com a natureza,e uma deusa de bondade,e representa a mae,que todos querem.aqui no sul do brasil,estou junto com outros irmaos e irmas em um projeto de erguer um templo de adoraçao a nossa amada ostera!nao sinto amor e desprendimento material,no chamado "deus hebreu" a todos um abraço!

alice disse...

um ponto de vista contextualizante de todo o interesse :) gostei muito de ler e as imagens são lindíssimas. um beijinho grande e boa páscoa!

Tainá disse...

Muito legal resgatar todos os valores que estão nos símbolos da páscoa! Feliz Páscoa Walkyria! Beijo.

Gerana Damulakis disse...

bela homenagem para o momento da Páscoa.

betina moraes disse...

wal...

uma jóia de texto! vou ter que começar a colecionar suas informações preciosas sobre festas e equinócios!

um beijo.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Alice,
é mesmo uma viagem entender pórque fazemos feriado, de onde vêm as histórias.... que bom que vc gostou.

betina moraes disse...

wal, maninha...

http://redoma.weebly.com/index.html

uma vez estando no "redoma" clique na etiqueta "redoma feminina"...

pode passear o quanto quiser por lá, tem uns poetas porretas. os melhores!

ah, e você lá está!

um beijo.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Tainá

Gerana

Betina

Sabe meninas, pra mim é como cantar parabéns, ou achar lindo, de novo, o pôr do sol, ou a limpidez de certas manhãs.

Todos os anos releio sobre esses assuntos, Páscoa, São João, Natal, São Micael, e cada vez sinto diferente.

É como se eu me preparasse para uma nova estação do ano, deixando fluir em meu espírito, os espíritos que nelas habitam.

Grande beijo para grandes garotas.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Bebezinha

ficou tão bonito, lá, as minhas palavras parecem de outra pessoa. Que diferente, elas têm o seu toque, que maravilha.

Sabe, as palavras me impressionam também. Mas não há nada que me impressione mais, do que eu mesma!

Querida, obrigada, obrigada. Terei muito que ler por lá. Que sensível, como uma asa de fada, que linda que vc é.

Le Vautour disse...

Nossa, esta sequência sobre a Páscoa é muito legal. Tem informação pra caramba aqui, e de forma agradabilíssima!
Primeiro li tudo, e depois vim comentar, mas... hm... faltam-me as palavras. Então, deixo minha emoção.
Abração de duas asas!

Ankh disse...

Belíssimo texto!

Tania regina Contreiras disse...

Belo texto, riquíssimo em simbologia.

Beijos, Wal1

angela disse...

Quanta coisa bonita você nos trouxe nessa postagem! É bom ver como as coisas vão se modificando e adaptando conforme muda a dominância ideológica e no fundo tudo fala de nossa humanidade, dos nossos medos, dos nossos anseios, etc.
beijos

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Angela, é isso, tudo nos remete ao nosso interior. Muito lindo sua percepçâo.
beijos...e obrigada

Carolina disse...

Eu conheço outra versão do coelhuinho na lua. Mas eu amei essa!
Olha a versão que eu conhecia:

Eu vejo o coelho na lua
"Haviam 3 coelhos, um rico, um classe média e um muito pobre. Todos eles se diziam apaixonados pela lua. O primeiro coelho convidou a lua para jantar, encomendou as melhores coisas: lagostas, caviar, o melhor champagne... e a lua se fartou com toda a comida! O segundo coelho, enciumado, fez o que pôde: uma bela feijoada, galinhada com os melhores temperos e também convidou a lua para comer em sua casa... O terceiro coelhinho também quis convidar sua amada para comer... entretanto, quando a lua chegou para o jantar só havia um caldeirão de água fervente... Nesse momento, o coelho saltou dentro do caldeirão oferecendo a única coisa que ele poderia dar para alimentá-la: a si mesmo! (pelo visto a lua aceitou a oferta...) E é por isso que quem está apaixonado (como o coelho da história) enxerga o coelho na lua..."

Anônimo disse...

Muito interessante o texto... não digo na parte da lenda, mas sim a história e seu fundamento!
Mas o título diz tudo: ...deusa Ostera.
Deus é apenas um! Não existe deuses.
Antigamente, os povos recorriam a vários falsos deuses, tentando solucionar seus problemas e se enganando com aquele pensamento: "quanto mais, melhor!"
Ostera era uma deusa lunar, onde seus seguidores recorriam aos exércitos dos céus para encontrarem suas respostas... tanto ela como os rituais de muitos outros deuses, nos dias festivos, os povos se reuniam e realizavam a pratica da imoralidade sexual. Normalmente se embriagavam e praticavam tal costume pagão.
O ovo era o simbolo da fertilidade e o coelho, era o animal considerado mais sagrado por deuses lunares...
Após centenas de anos, o simbolo desta deusa, que é o ovo e o coelho, veio a se tornar o simbolo da nossa páscoa cristã!
Onde na realidade, a nossa páscoa se iniciou lá em Êxodo, a cerca de 2000 a.C., com o escolhido Moisés para retirar o povo judeu da escravidão.
Então a páscoa foi simbolo da libertação da escravidão do povo de Deus. Então todos os anos os judeus comemoravam esta data, por causa da libertação! Está foi a libertação literal e/ou carnal e/ou material, como queiram...
Cerca de 2000 anos mais à frente, vamos para a data de 33d.C. data em que o Senhor Jesus morreu!
Ele foi crucificado na época da celebração da páscoa. Os sentidos e motivos da morte de Cristo são inúmeros e incalculáveis, mas vou indicar o que mais convém a este resumo.
Antes de Jesus não havia salvação para nós! Nós eramos escravos de Satanás, ou Lúcifer como alguns o denominam por ter sido um anjo de luz. E com o derramamento do sangue de Cristo fomos libertos uma vez por todas do pecado. Esta, podemos denominar a libertação espiritual!
E os judeus passaram a celebrar a páscoa com o sentido de relembrar a vitória e ressurreição de Cristo. Mas, ao passar dos anos, a igreja romana (hoje a católica apostólica romana) com seu enorme poder, foi distorcendo certas verdades e impedindo dela chegar aos fiéis. E com o passar do tempo os romanos foram adotando os costumes pagãos, em vez de seguir os verdadeiros costumes cristãos. Podemos dar um exemplo como os dez mandamentos de Deus. A igreja romana distorceu a verdade. Se fomos ver na Bíblia em Exôdo cap. 20 onde retrata sobre os dez mandamentos, se compararmos, veremos claramente uma distorção, um deles seria a guarda do sábado como dia do descanso. Cerca de 250 d.C. o Imperador Constantino, adorador do deus sol, se converteu superficialmente ao cristianismo e levou consigo o ensinamento que o dia do descanso deveria ser no dia de domingo e de festas. Esta é uma das grandiosas barbaridades soterradas e sufocadas em nosso passado! Isso é uma lasquinha do que eu pude resumir... espero que tenham tido um grande entendimento!
Nunca é tarde para recomeçar... Deus nos ama e quer a todos nós... Esse é o tempo, essa é a hora!!!
A paz de Deus a todos!

Mara Macedo disse...

Existe um só Deus, e um só Senhor - 1 Corintios 8:6

sherlina halim disse...

Pengen yang lebih seru ...
Ayo kunjungi www.asianbet77.com
Buktikan sendiri ..

Real Play = Real Money

- Bonus Promo Red Card pertandingan manapun .
- Bonus Mixparlay .
- Bonus Tangkasnet setiap hari .
- New Produk Sabung Ayam ( minimal bet sangat ringan ) .
- Referal 5 + 1 % ( seumur hidup ) .
- Cash Back up to 10 % .
- Bonus Royalty Rewards setiap bulan .

Untuk Informasi lebih jelasnya silahkan hubungi CS kami :
- YM : op1_asianbet77@yahoo.com
- EMAIL : melasian77cs@gmail.com
- WHATSAPP : +63 905 213 7234
- WECHAT : asianbet_77
- SMS CENTER : +63 905 209 8162
- PIN BB : 2B4BB06A / 28339A41

Salam Admin ,
asianbet77.com

Download Disini


voltar pro céu