.

.

domingo, 8 de novembro de 2009

Entrevista com o dono do Bar do Bardo











Gentefina, quem não conhece o blog Bar do Bardo, pode ir correndinho conhecer. Depois vai dar uma olhada no que pensa o Henrique acerca do ato de escrever, de se comunicar e,principalmente de partilhar humanidade. Colei aqui passagens da estrevista. Vai, diz se o cara não é o tal!
Para a entrevista completa, vai lá no O Teorema da Feira e aproveite a paisagem da alma. Boa viagem!
.

"Todos, ainda que no meio social, sempre nos encontramos em estado de solidão. Considero que, sim, a solidão é o que nos identifica como seres humanos e, paradoxalmente, é a solidão que nos une. Como a essência da poesia é também a essência da humanidade, a solidão está na essência da poesia."

.
"Narciso se lê ao espelho, mas vê uma imagem distorcida, e essa distorção lhe informa que ele é perfeito... Pessoas com distúrbios alimentares também se
leem ao espelho e, por vezes, embora sejam fisicamente perfeitas, a imagem lida é a de seres horrorosos... Poxa, e se o livro ou o écran de um computador for um espelho, o que advirá dele? Creio que o problema não esteja no espelho, mas na relação entre o especular (íntimo) e o espetacular (social). Em todo caso, posso dizer que eu me escrevo, sim. Alguns dizem que certas coisas são a minha cara. Mas eu também minto bastante, o que demonstra sanidade, porque além de toda a seriedade que existe na arte da escrita, literatura também é ficção, devaneio e entretenimento."
.
"A leitura é fundamental para a cidadania e para o prazer. Quero dizer com isso que a leitura é útil e agradável. Também quero dizer que o prazer é útil e que a cidadania é agradável. O que um bom leitor lê? Os clássicos, porque os clássicos são as obras que a humanidade escolheu para transmutar carvão em diamante."

.
foto - GiseleFreire ( do Vastas)
para bar do bardo

.

10 comentários:

Gisele Freire disse...

Wal
Sou suspeita, mas o Henrique é bom demais ;)
bj linda
Gi

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gi
eu não sou suspeita, gosto do labirinto que ele cria, da humanidade que sinto. Viu que linkei teu blog? nesse sou suspeita. te gosto demais.

BAR DO BARDO disse...

Wal Gentefina,

vou dizer o quê?!?
Um beijo e obrigado pela divulgação!

- Henrique Pimenta

lírica disse...

Wal

O Poeta é mestre!
Eu amo a poesia dele.

Adoro teu blog Wal, sempre coisas tão boas por aqui, por isso tem tantos seguidores, vc é do melhor!
bj linda

Wania disse...

Viiiiixxi, esta Bar do Bardo tá famoso que sóóóó!!!!!
Também pudera, é bom demaaaaais!!!


Wal, querida...que bom que somos amigas do dono e já temos até caderninho pra apontar os gastos e pagar no fim do mês...rsrsrs! A conta é grande!

Brincaderinhas à parte...
Merecida homenagem ao Henrique! O que é bom tem que ser divulgado!!!
Parabéns à você pela iniciativa!

Bom domingo pra ti,
Bjão carinhoso

Lídia Borges disse...

Muito agradável a leitura, aqui!

L.B.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Henrique Bardo Pimenta
hihihi
fala nada não, é vc que deixa meu blog mais intenso, seu blog é notícia, é novidade. Sou eu que agardece.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Lilica!
O cara é bom, é notícia, e enfeita o meu blog, né?
E traz com ele, gente bonita e talentosa como vc.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Ô Wania
ser amiga do dono do bar é um sonho realizado....hehehehe.
Ele merece.
E foi atrvés dele que conheci seu blog, sua poesia feminina e marota que eu adoro.

Sylvio de Alencar. disse...

Li um poema dele em algum lugar. No blog da Gisele. Muito bom. Ele cria umas figuras de linguagem com (muita) propriedade.
É, pela foto, parecido com o House.
Irei lá no Bar do Bardo, ficarei no cantinho, lendo com atenção.
Esses toques sempre valem.


voltar pro céu