.

.

sábado, 3 de dezembro de 2011

Como ser um blogueiro de sucesso


Guia prático da Tia Walll

Depois de exaustivas pesquisas, noites em dormir esperando respostas aos meus comentários, unhas roídas até a raiz, na expectativa de que alguém comentasse meus posts sérios, total decepção na minha carreira de blogueira e, perda geral das ilusões - no que tange à glória e ao reconhecimento internacional - , elaborei este guia, muito do prático. O dito cujo pode realmente ajudar àqueles que, como eu, nutriam várias ilusões quanto à vida de blogueira.
A saber:

1 – Permeie seus posts compridos e exaustivos, com posts rápidos, de três linha no máximo. Tipo algum momento loreal, ou uma frase famosa, ou uma piada, poesia, cartum, você pode escolher.
Assim, aqueles que entram de vez em nunca no seu blog, ao sentirem preguiça de ler aquele palavratório todo, podem ler o post rápido e fazer, finalmente, um comentário.
Aplaca a culpa da ausência, neles, e te deixa feliz.

2 – Nunca, mas nunca mesmo, deixe o seguinte comentário: "passei só pra te desejar um bom fim de semana, ou dias das mães", ou natal, ou qualquer outra convenção social politicamente correta.
Mostra que além de você não ter lido nada, ainda é pobre de imaginação. Pega mal.
Exceções:

a - Quando o blogueiro passa dias sem publicar nada e você genuinamente decide deixar um comentário desses, por pura inércia, porque você entrou no blog 200 vezes e nada de post novo.

b - Quando o blogueiro não tem computador em casa, publica do trabalho, é difícil, tem que ter um jogo de cintura danado. Dê este desconto, e comente sua saudade dele.

3 – Nunca, mas nunquinha, espere que seus comentários sejam lidos. Você acaba entrando freneticamente naquele blog, à espera de uma resposta do blogueiro em questão, que nem lê respostas. Isso mina as energias, além de acirrar seu complexo de perseguição.

4 – Tenha auto estima, nunca, em tempo algum, reclame por visitas ou comentários. Comentários engordam e fazem crescer, apenas o ego. O outro blogueiro entra no teu blog de pena, coisa que te coloca abaixo do umbigo do Bill Gates.

5 - Já foi provado por artistas gráficos de todo o mundo, e de todas as épocas, que as melhores telas de fundo são as de cores claras e pastéis. Facilitam a leitura, não dão aquele embaçamento na vista, ou seja, possibilitam uma leitura melhor, mesmo que o que você tenha escrito seja uma porcaria, o visitante tem mais chance de não se cansar visualmente, o que já é uma grande coisa.

Mas se você for do tipo teimoso, cool, e burro, mantenha na sua página fundos escuros. Digo que você vai ter que rebolar pra prender a atenção, mas daqueles que prender, pode ter certeza, é uma façanha digna de nota.

6 - Evite comentários politicamente incorretos. Por mais que você seja contra ou a favor de jogador de futebol, partido político, religião, pastor da igreja universal, emergente, apresentadoras de programas femininos e/ou infantis, tropicalistas em queda livre, sindicalistas e ginecologistas, cale-se. Entre teus seguidores sempre existirão os do contra, os à favor e os tico-tico-no-fubá. Então, procure outro tema que você ganha mais.

7 – Sempre mantenha nos rascunhos, algo preparado para dias sem inspiração. Não há nada que visitante deteste mais, do que blogueiro sem inspiração. Tem que matar um boi por dia, tava pensando o quê? Que ia ser fácil? Distante, impessoal?

8 - Regra de ouro:
se não ler, não comente,
se ler e não tiver nada de verdade pra dizer, não comente,
se comentar, atenha-se ao post.

9 - Nunquinha mesmo use os coments dos outros para fazer propaganda de seu blog, tipo by the way. Os blogueiros simplesmente te colocam na lista negra.

10 – Segunda regra de ouro: se o cara virou teu seguidor, mais que depressa vire dele. Não importa a raça, religião, credo ou cruz credo. Salvo alguma perseguição vindoura, os blogs estão repletos de idiossincrasias. É seguidor carnívoro com vegetariano, petista com pessedebista, corintiano com palmeirense, e daí pra frente que não sou besta e não vou me queimar, logo nas lições práticas.

11 – Acabe com a ilusão de fidelidade. Nunca acredite em quem entra no seu blog, adora e diz que voltará mais tarde para ler tudo. Ninguém volta mais tarde, nem tá a fim de ler tudo. Tá pensando que blog é dossiê?

12 – Mantenha seu blog leve. Pense que nem todo mundo tem um PC ou um MAC potente. Evite a todo o custo ter muitos slide show. É um show só pra você, tipo festa do filho da gente com teatrinhos e declamações toscas. Pro visitante é uma tortura, o blog trava, a página demora pra abrir..... Conclusão: ele muda de blog e adeus audiência.

Mas se você quer mesmo, acha pertinente, tenha apenas um número razoável, que eu diria, não ultrapassa o número um.

13 – Pelamordedeus.... Se você gosta de fundo musical, não pode evitar, pelo menos coloque o gadget bem visível, lá em cima. Assim, quem não quer esperar 200 horas pra carregar teu blog, ou levar um susto com o som, pode desligar o mesmo in loco.

E lembre-se da regra 6; não seja partidário de nada. Escolha uma música assim meio que batata. Mozart, Villa Lobos, nada de Ivete Sangalo, ou Caetano Veloso, ou Leandro e Leonardo, David Bowie. A qualidade aqui não vale nada. Tudo pra manter os visitantes, lembre-se.

(Particularmente, detesto blog com música, ainda mais quando abro vários ao mesmo tempo e fica uma coisa de louco. Não sei que música é de qual. Conclusão: desligo todos, só de pirraça.)

14 Never coloque o selo da Veja Blog visível. Todo mundo já sabe que é marmelada, e que foi você mesminha que indicou seu blog.
.
15 - Em hipótese alguma, mesmo diante de uma possível falência cárdio-internética-renal, peça pra outro blogueiro te colocar na lista dos blogs favoritos dele. (Confesso que já fiz isso, uma vez apenas, com a Nydia, do blog Longitudes. É que eu achava ela tão bacana, tão legal, tinha tanta inveja de quem tava no blog dela.... sei que morro de vergonha até hoje.) O cara, se for educado e polido, te coloca, mas te esconjura por dentro. Se ele for casca grossa como a blogueira que vos aconselha, ele ignora ou te manda catar bites em outra freguesia.

16 - Não passe a vergonha de colocar nos coments alheios, poesia, conversa fiada ou considerações suas. Se o cara quisesse ler tua poesia, ele ia no teu blog. É auto explicativa essa dica.

17 – E, finalmente, não acredite em fidelidade. Ela só existe quando o cara tá a fim de você, ou vice-versa, ou quando ele é teu empregado ou subalterno. Se é filho ou parente, depende do que eles estão querendo.

E lembre-se, é nos comentários que se conhece o blogueiro.
.

69 comentários:

Le Vautour disse...

Walkyria, minha querida blogueira... que sabão, hein? Carente? Hehehehe, acalme-se, as coisas vão melhorar.
Não passei aqui só para lhe desejar feliz dia das mães (a propósito, quero esclarecer que nem vou comentar aquele post abaixo porque... putz, relação mãe-filhos é coisa tão complicada, e isso eu sei pela minha, com minha mãe e meus irmãos), nem vim jurar fidelidade ou coisa quejanda. Vim mesmo pelo prazer de ler você.
Eu costumo dizer (a Paula Barros não concorda nem diverge, mas acabou aceitando) que há pessoas "virtuais" que são muito mais "reais" que as pessoas ditas reais, estas virtuais no dia-a-dia.
Real, aqui, é no sentido de autêntica. Você é muito autêntica, e vir aqui, ler seus posts e sentir sua alma é como acontecia no meu tempo de criança, lá no interior: a gente ia fazer uma visita a um vizinho e "trocava umas ideias". Cada um falava um pouco de sua vida, de seus fados, de suas alegrias. Às vezes levava um pratinho de doces, um pouco de comida. Dias depois, o vizinho ia lá pra nossa casa, devolvia o prato com algo dentro, fosse doce ou salgado... era uma permuta de migalhas da alma.
É assim que me sinto aqui. Infelizmente, sou inconstante. Há algum tempo, também, assumi compromisso com o meu descompromisso, fidelidade com a minha infidelidade e coerência apenas com o meu direito de ser incoerente. A vida acabou ficando mais fácil.
Venho aqui com um pedaço de pudim de pão - já comeu? Delícia! Minha tia-avó fazia. O básico era o pão amanhecido, e aí ela tocava um pouco de leite condensado, umas gotinhas de rum (às vezes, Vinho do Porto), e o povo chamava aquilo de mata-fome. Eu adorava.
Bati meu papo com você, fiquei feliz. Ah, se no meu ambiente de trabalho, na minha vida, no meu ramerrão, na faina diária e exaustiva da megalópole, ah, se houvesse mais pessoas tão cheias de conteúdo...
Abração de duas asas!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Le Vautour

sim, mais reasi que as virtuais
sim, sim, sim.

na verdade vc me fez chorar. Quando li o lance de trocar migalhas da alma... tocou meu coração com uma delicadeza... uma coisa tão...sei lá.

Muito forte, explicou muito, de tudo, em muitos momentos. Desses passados com garagistas, pedintes na rua, alguém no elevador...gente que me deu mais em 5 segundos de convivência, que outros que me assolam há anos.

É uma coisa.
Sei dizer que um dia escrevi aqui, que apenas o coração fala ao coração.

teu coração falou com o meu.

bom, queria que vc me ensinasse esse lance do descompromisso. eu precisava mesmo. tô me atolando, sem prioridades, levada...ah! a pobre hehehehhe. Mas é sério.

Olha que esse pratinho que vc me trouxe agora, tava uma delícia. Vou fazer um pudim de pão, eu coloco uva passa, e vou te levar um cadinho

meu querido
obrigada

Gilson disse...

Como não quero ser um blogueiro de sucesso, li seus ensinamentos sem porém me preocupar em seguir nenhum deles. Wall, se estou nesta blogooesfera é porque quis compartilhar um pouco com outras pessoas, pensamentos, idéias novas e conviver com várias pessoas que não convivi até hoje. Não sigo blogs que não tem nada a ver comigo e não sigo só porque a pessoa resolveu me seguir. Gosto de trocar idéias e estou presente nos blogs postando daquelas pessoas que penso ter uma amizade por mim. Quando falo num comentário que a pessoa está sumida é porque estou sentindo falta dela mesmo e não por mendigar comentários que acho até ridículo.
Aqui comento porque acho você uma pessoa inteligente e gosto de conversar com você e não porque estaria apaixonado por você. Esse lance de querer ter sucesso no Blog para mim é falta de maturidade, vai lá e comenta quem gosta do que você escreve, se for só um tudo bem. Acredito piamente em bons relacionamentos nesse mundo virtual e do sentimento entre as pessoas.

Bjs

Sylvio de Alencar. disse...

Cacete!!!!
Arrebentou!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Voltarei para dar uma lida mais profunda! Em minha lida rápida notei a seriedade da coisa: muito bem escrito o post, claro, organizado,... cacilda!!!! Bom demais!!!
Não tenho a moral de escrever dessa forma tipo tão organizadamente!
Sem dúvida, vc é de diretoria!


Depois das dicas desisti de pespegar o selo VejaBlog (bem debaixo do nariz do povo e da pova) na minha página... :(

(rsrs)

bjs!

Le Vautour disse...

Walkyria, sem maldade, com carinho... foi bom pra você também? Ui!
Brincadeirinha... emocionei-me, agora. Que bão saber. Quero, sim, o pudim de pão com uva passa, se bem que toda vez que venho aqui curto uma refeição espiritual deliciosa!
Beijos!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gilson meu amor
vc levou muito à sério. Vc NUNCA fez nada disso que eu falei. Vc é um amor, uma graça, a doro ir no teu blog, adoro qeando vc vem aqui.

Querido, eu sei que devo ter ofendido uns e outros, mas eu sou do mal mesmo...hshshshs. Não sou boazinha pq tem boazinha demais no inferno. Só gente ruim, que fala a verdade, ou o que a vã filoosfia da pessoa acha ser a verdade, vai pro céu.

Pode parar e pode vir sempre aqui senão te rogo praga.

capitu?

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sylvícola
companheiro dos sonhos de glória fácil....kakakakaakakak

eu sou libriana, organizada, tenho TOC de mestre, e ainda por cima descendo de prussianos. A organização é meu segundo nome e minha primeira desgraça.

Pq vivo enlatada, engessada.

Agora que tô perto da terceira idade, ou dentro, sei lá, ainda tô véia.

segura o pepino

Luiza disse...

Perfeito esse post,
dicas de ouro mesmo, principalmente pra quem acabou de fazer um blog!

:) abraços

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Le Vautour

que bom que vc tarda mas faz seu tour.

olha foi muito bom pra mim.... quero mais, muito mais.

será que vc dá conta?

bricadeirinha.....ihihihih

mas que foi bom, foi!

veio trazer o pratinho?
leva ele entonces, cheio de uvinhas do meu coração.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gilson
só pra completar, eu não acredito piamente em mais nada, nem na pia!

BAR DO BARDO disse...

Passei aqui só para desejar um bom final de semana... digo, obrigado pelas dicas, tia!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Henrique
kakakakakakka
bom dia das mães procê e pras seus

Gio disse...

Precioso. Parei para olhar para as pernas da Doris Day e acabei por ler a três primeiras linhas :)
A sério, bons conselhos. Já fiz um ou outro desses erros, um deles ainda não virei seu seguidor.
abraço

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gio

imperdoável não virar meu seguidor.
Bem vindo e obrigada!
Mas vou lá virar sua seguidora, ah isso eu vou mesmo.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Luiza

segue os conselhos da tia walll
pelo menos não haverá decepção!

Tânia regina Contreiras disse...

Hum...interessantes as dicas. Acho que no fundo todo blogueiro vai aprendendo o que é real o que não é, vai encontrando suas afinidades, vai entendendo o que é que busca, onde acrescenta a si mesmo através do outro, vai entendendo de estilos e respeitando. Aqui, como na vida, há de tudo. Vamos aprendendo a separar o joio do trigo. Não tenho estrada como blogueira, mas tenho tido gratas surpresas e aprendido monte de coisa, isso é bom.
Beijos,
Tânia

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Tania, querida

eu nasci num balaio repleto de joio e trigo. Toda vez que conseguia separar algo, vinha uma ventania e adeus. Na reorganização dos joios de um lado e dos trigos de outro, eu começava a duvidar da separação. Enfim...

Encontrar essse ponto médio, esse caminho do meio, onde joio e trigo podem viver felizes e sem constrangimento por suas raizes e personalidades, é uma missão.

penso muito nisso....todo dia, toda hora, pq sempre me pego junto do joio, ou agarrando o trigo.
8 ou 80

Caçador disse...

Olha olha, titia dando lições. Leio e aprendo e concluo que tenho feito tudo mal, ora bolas. Posts politicamente incorrectos, fundos negros, temas aborrecidos, música que não acaba - é aquela mania dos cliks - sei lá. Tudo mal.
Conclusão: poucos seguidores, poucos comentários, muitas infidelidades.
E agora, aplicar a receita? Como é que se toma, com água ou é mesmo na veia? Ai a minha vida. O pior é que eu sei - já me conheço de outros carnavais - que não vou emendar a coisa, burro velho não aprende o teorema de Pitágoras... pior para mim e isso.

(e agora a sério, diverti-me com as sua recomendações e aposto que também se divertiu a escreve-las, e isso é importante, acho eu)

E bêjo e tudo

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Caçador
que honra

eu adoro os clics, o fundo escuro, as colocações eróticas e incorretas. Por Deus, não muda nada no teu blog! É uma das minhas diversões. Só não entendo mais pq não tô em Portugal.

E prometo fidelidade. Lembra que disse que vc era um dos homens da minha vida? Ao vivo e num post?

Continua..

Sabe, me diverti muito, mas muito mesmo. Pq é só isso que vale. O espírito ama o riso a alegria. Isso de amor é com a alma que gosta e desgosta. Isso de comer e pagar conta, é pro corpo, coitado. O espírito só quer luz!

Que bom que vc riu!

Gerana Damulakis disse...

Muito bom. Não concordei com tudo. Concordo que os textos devem ser breves, o fundo deve ser claro, que deve entrar logo (tem um blog que adoro, mas demora séculos, há até aquelas letras passando com uns dizeres, pena mesmo, meu PC anda lento), mas no tocante aos comentários...
Aguardo seu comentário...

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gerana

que mulher. Responde de batelada, e eu sou capturada.

Tem blogs que eu curto e que são assim, demorados. É uma pena mesmo.

Não esperava que vc concordasse com tudo. Mas puxa, querer cometários me atingiu...heheheh

Tânia regina Contreiras disse...

Wal, entendo quando vc diz que nasceu entre joios e trigos, de repente não tem que separar mesmo nada, pois quem sabe se o destino de um esrá ligado intimamente ao destino do outro?

De qualquer forma, é natural que busquemos nos associar por afinidades, isso é enriquecedor.

Beijos

O Trovador disse...

Ótimo manual! Algumas das coisas daí eu tive que aprender pelo caminho das pedras.
=(
=P

Também não gosto desse lance de música e sons que surgem automaticamente no blog, até porque eu costumo estar ouvindo as músicas do meu pc e acessando muitos blogs (raramente respondendo à maioria, não costumo ter imaginação para comentar).

Como eu queria usar meu blog para, também mostrar algumas de minhas músicas adicionei um player bem grande e na cor púrpura para chamar a atenção mesmo, mas desabilitei o toque automático - justamente para não causar o mesmo desconforto que eu sinto =)

Novamente, ótimo manual. Algo me diz que foi escrito pelo caminho das pedras.

Rui da Bica disse...

Olá Walkyria.
Tanta verdade em todo aquele manuel de aconselhamentos !
Como eu sinto que tudo está tão certo !
A gente vai aprendendo com a prática e os resultados. Quando comecei o meu blog, pensava numa coisa séria e profunda: política, economia, saúde, tudo em profundidade e posts longos, com conteúdo. Cedo verifiquei a tolice. As pessoas gostam de passar a correr e nessas condições preferem passar à frente.
Eu sempre me alongo demasiado e isso é mau.
Um beijão, minha querida e obrigado pelos conselhos. :))
.

Sarah Slowaska disse...

Tô aqui nooivaaaaaa! _=)
Olha, adorei o manual, viu? Quanto as músicas...bem, eu procuro sempre colocar um instrumental como som de fundo. Acho que fica mais acolhedor, pelo menos no meu caso. Para além de não atrapalhar ( pelo menos, nunca ninguém se queixou). Agora música do Caetano& Companhia nem pensar!

Este guia prático está demais. Como o meu querido Vautour disse: " Que sabão, hein?"

Um feliz dia das Mães, noiva! Apesar de dia das mães ser todos os dias.
Beijo enorme.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Tania
vc acaba de proferir a máxima da farmacologia antroposófica, e da homeopática.

Isso que eu chamo de imaginação, audiência qualificada, e profundo respeito pelas pessoas.

Vc é um acahado!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Trovador

que delícia de confissão.

foi, foi mesmo escrito levando pedrada. Mas seu coment fez tudo valer a pena.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Rui
que bom que vc apareceu. Reinstalei o firefox, perdi muitos links e tô aqui na lida, procurando.
Vc tava na lista, lá no comecinho.

Não acho que vc fala demais. Eu gosto, leio, concordo, discordo, tudo faço, por um dos homens da minha vida.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sarah
minha noiva feliz da vida!

nunca percedbi a música no teu blog...

hum.... estarei inebriada com tua graça, charme e beleza? Ou vc me fez um macumba?

eu disse, o amor é cego, mas pode ser surdo

Andrea Galvez disse...

Deus é Pai!

Eu como sempre li reli e pensei aqui cá com meus botons...Para tudo!...que é isso..??
Aí depois tu vem com o papinho que não é evoluída??Poupe-me né bem?

Concordo contigo, eu faço do blog na verdade meus momentos de lazer, coloco o que gosto e não me preocupo se vou ou não ter comentários, eu mesma leio vários blogs e muitas vezes não comento , mas isso não quer dizer que não gostei do que li.Sobre meus comentários, vou admitir, alguns as vezes parecem outro post...rsrs, mas é porque me animo com o que li.

Agora, esta sua regra é a que sigo sempre:

"se não ler, não comente,
se ler e não tiver nada de verdade pra dizer, não comente,
se comentar, atenha-se ao post"

Isso foi muito mais que uma aula...com certeza Tia Wal!

Parabéns!To levando tudo isso pra mim...:)

Beiiijooooo queridona!!
Feliz Dia das Mamis pra ti...

PV: GAMORR

= garramorrrrrr....óia que cosiinha mais fofa isso!!:)

betina moraes disse...

wal dona magarida,

que sabedoria!

vou te contar, bricadeiras de lado, escrever um texto tão divertido é um talento para poucos!

você conseguiu, apesar o fundo escuro e texto longo, cativar minha atenção, me divertir muito e no fim e ainda me deixou com a vontade de fazer um comentário, então eu só posso concluir que você é uma blogueira de muito sucesso. merecido, por mérito e capricho e por mimar tão docemente os seus seguidores...

morri de rir de algumas coisas, :)

feliz dia das mães, maninha.

um beijo com afeto.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Andrea
minha amiguinha fofa...ai que fingida...

querida, vc usa o espírito, evolui o lance, acrescenta, põe o dedo.... e vou dizer. Muitas vezes mesmo, só vc percebe o alvo dos meus posts.

te adoro demais

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

BB
Betina
Sorella

eu sei sempre quando vc está emocionada.... pq fico tbm!










VAIessa duvido que vc faça.

Sorella, lá dos céus os anjos e seres te mandam força e luz, e muita alegria, por vc estar acolhendo crianças no teu coração.

Rudolf Steiner diz que a gente escolhe com quem vai nascer.

Mas, se por infelicidade da natureza, a mãe em questão, naõ pode ter filhos, ou não quer, ou seja lá o que for, os céus dão um jeito e mandam as crias pra ela, de um modo ou de outro.

Vc foi muito escolhida.

Sarah Slowaska disse...

Noiva, a música não está no Papo Cabeça. Está no outro.

:D

Leonardo B. disse...

[Esqueceu-se da excepção que confirma todas as 17 regras... há quem incondicionalmente se entregue, sem truques, nem manhas, vai e volta como se fosse amigo presente, perdoa tudo, no excesso e na palavra que não aparece; há quem, esteja... sem mais explicação!

E depois? Resta um cristal que se guarda no peito e dá de desculpa à irreverência de adulto indigo...]

Incondicionalmente,
um imenso abraço, Walkyria

Leonardo B.

* Agora que a cátedra está completa? Não está, mas quase que poderia administrar um curso!

Gisele Freire disse...

Pô Wal, e eu passei e te desejei dia das mãe felis rerererere.
Só agora é que li rererererere.
bjin
Gi

Gisele Freire disse...

...feliz e não felis rsrsrsr

Nydia Bonetti disse...

saiba que jamais te "esconjurei", wal. rssss - (risadinha pode?)
eu tinha mesmo o hábito de só seguir blogs de poesia. teu apelo me fez ver quanta coisa boa eu andava perdendo - quem saiu ganhando fui eu - de verdade.

PS: ainda bem que não contou nada sobre a gafe da vítima da quinta - imperdoável. rsss beijoos

beijoos.

Jorge disse...

Uma verdadeira CARTILHA blogueira, de que retirei os devidos ensinamentos e a que recorrerei sempre que necessite de me reencaminhar e/ou reabilitar.
O meu kanimambo(obrigado).

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Meu barqueiro

tem coisas, cristais, amizades e oceanos, que nunca se separam!

abraçintenso

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Barqueiro....esqueci. Vc fez minha autópsia, quer mais que isso?

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sarita Montiel....
hehehehe....vou dar um tempo pra conhecer teu blog musical Deixa nosso noivado decolar.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gisele polimorfa

vc "são" muitas. Alguma tem que ser menos pérfeita, poxa,senão humilha a gente!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Jorge
entendi tudinho, use e recicle a cartilha, acrescente e recorte....mas pelamordedeus...
quiqui é kanimambo?

seia comer kani dançando manbo?

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Nydia
eu sou um "tumbalo", a gafe fica aqui pra um momento de pressão, ou quando vc retirar meu blog da tua lista.

Nydia, adorei rua risadinha, tão mimosa, tão à vontade....me deu tanta alegria!

Nydia, vc fica linda sorrindo!

ju rigoni disse...

Humor fino, uma lâmina. Mantenha o ventilador ligado. rsrs Quanto a mim, faço o que me dá na telha. O que acho que é direito de todo mundo,... desde que não seja num dos meus blogues porque democracia por lá continua sendo nada mais do que um estado interessante...

Bjs, linda, boa noite procê. Inté!

ju rigoni disse...

Voltei porque esqueci, Wall:

Feliz dia das mães! rsrsrsrsrsrsrsr

Bjkas. Inté, de novo.

Prussiano disse...

aHauASHuasAHAu.... mto bom esse post...
heheheh..... bah... qtas vezes eu infringi o 'mandamento' numero 2 !!
heheheh.... afff mas ñ foi por mal.... era por saudade e falta de tempo mesmo !!

abrassss un küsse !!!

Laura H disse...

Bonitona, estou arrasada! Meu blog é um fiascooooo! Eu leio tudo, mas acho dificil comentar os comentáriosss e leio muitos blogs (o seu céu inclusive) mas acho dificil comentar tb! Fico pensando se teria algo util paa acrescentar e, na maior parte das vezes, concluo que nao...mas passei pra dizer que o seu blog é de sucesso...vou tentar seguir mais as dicas! bjoooo

Selena Sartorelo disse...

Ah desculpe vou tentar que copiar prá deixar lá em casa rsrsr!!!!

beijos, mas juro que volto prá comentar filosoficamente rsrsr

Patrícia Gonçalves disse...

Meu Deus! Você deveria ser contratada pelo blogger e isto constar no manual! Como meu velho pai dizia "desculpas, pela vergonha que passei"

beijão

Carol Morais disse...

Eu te conheci pelos comentários mesmo! E amei!! Virei fã de carteirinha! Esse passo-a-passo deveria ser publicado na Wikipedia! rsrsrs

Mas é verdade..Olha, não tem nada mais chato o que aqueles blogueiros que vão no teu blog só para dar um alô, e muitas vezes eles nem leem o que você escreveu! Poxa, não precisa fazer comentários enormes, mas, pelo menos, fala alguma coisa sobre o post, né?!
rsrs

Beijocas

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Carol....
nem precisa falar nada né? O silêncio, muitas vezes fala mais.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Ju
linda magrela da minha vida! Irmã na inapetência das coisas mundanas....

A democracia é um estado interssante....vc disse tudo.

E aí.... bolsa de água quente?
Abraço na neta?
Céu azul?

Eu torço aqui pra vc vencer a gravidade que pucha os ossos da gente pra baixo.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Henrique,
socorro, lá no post o tovador era vc......agora pintou um trovador aqui....

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Laura
bonitona, vc foi meu primeiro amor na Net, o primeiro blog que segui, a primeira pessoas que me colocou na lista de blogs.... me citou, me bajulou, encheu minha bola..... e ainda por cima mandou seu livro de presente pelo correio...ele é meu livro de cabeceira, sério, vc sabe eu já disse isso procê. te amo minha querida!

Anônimo disse...

passei aqui para desejar boas festas hahahahahahahahahahahahahaha!

por essas e outras é que deslesei.

Mas você deve manter o SEU céu aberto.
O SEU - e continue porque a tesão deve ser a SUA.

Barbara

Hana disse...

Val, estou rindo igual uma débil, isso não é uma aula, é uma comédia maravilhosa, melhor que a de Dante, sabe amor meu, eu me diverti adorei as dicas, e concordo com muitas coisas, confesso que nunca um post me prendeu tanto, mas por seu conteúdo com tanto senso de humor, eu faço questão de dar os parabéns, vc falou o que ninguém teria a coragem de falar, vc é o máximo, não foi atoa que voltei rever vc,pois seu espaço ficou em meu coração. E acredite não é balela não, falo de coração, agora não apenas li seu post, como vou ler os comentários e continuar rindo pq vc amiga é uma festa, amei sua alegria, e sua coragem!!Alguém pecisava falar tudo isso!
Com carinho
Hana

Hana disse...

Passando aqui só pra te dar um Oi, rsssssssssssss

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Hana
é um post repetido, acho que do ano retrasado, mas ainda tá valendo, né?
Não pense a senhora que aqui é só alegria não. Tenho mmeus momentos de inferno, tipo Demetria, que não sou besta nem nada ataco de inferno de Deusa.

Que bom que vc voltou, que vc leu e que eu pude dar risadas com vc. A vida é isso, né?

Querida, que bom ter vc aqui no céu!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Bárbara
fiquei triste com o fim dos lesados. Me senti ainda mais lesada... se é que isso fosse possível, e foi.

Adoro vc, adorava seu blog, e detesto o face. Acho que a exemplo de seu sábio filho, vou suicidá-lo.

não me abandone!

Gerana Damulakis disse...

Lembro-me desta postagem, ela é muito bacana.
Wal: sempre andei por aqui e por outros blogs, só não comento, pois se comentar em um, estarei sendo injusta com os demais. Na verdade, não voltei a postar com regularidade, é coisa de "quando em vez". Continuo sem tempo, só leio vcs todos.
Adorei encontrar seu comentário. Receba um beijãoooooooo.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Queridíssima Gerana
Republiquei isso por sua causa, quando vi que vc voltou. Sei o martírio que é manter um blog, aliás, manter qqr coisa na vida é duro.
Então, entendo perfeitamente seu jeito, e apoio!


bj enorme

Andanhos disse...

Walkyria, não concordo com tudo, mas adorei!
Ei, o fundo de seu blog é escuro. Hehe...
Beijos.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Andanhos
manda ver no que vc não concorda, vamos dialogar...hehehehe

e meu fundo é escuro, e cometo um monte de erros pra quem quer um blog de sucesso....
mas estou aqui
viva
e produzindo
sucesso?
niente!
Alegrias?
muitas.....

Moran, andarilho disse...

Walkyria, tuas ponderações são pertinentes e ao mesmo tempo humoradas... o que mostra teu bom senso e sentido de correção, de se fazer certo. Muito do que dizes já buscava fazer e coisas novas aqui aprendi. Muito obrigado. Gostei de aportar aqui, Moran

Helcio Maia disse...

Válidas, muito válidas as dicas, para os que são candidatos a alguma coisa, para quem usa o blog no lugar da terapia, ou seja, bastante gente rsrs
Trocando em miúdos, noves fora, a dica 17 é bem peculiar.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Moran
toda brincadeira tem um fundo de verdade
Bem vindo!

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Helcio
vc me mata de riri assim.
Pegou o "quê"da coisa, em si ...hahahahaah

E foi logo implicando com a dica 17...ok, no teu caso tenho que admitir. Vc é bem fiel e um amigo direto e querido.


voltar pro céu