.

.

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Espelho

 .

pro MarioConti
E quando o dia nasce
Na minha janela
Eu fecho os olhos.

Penso em nós
E sei, mais uma vez,
E me reconheço de novo
Pela primeira vez
Em toda a minha vida.

E quando me levanto
E me olho no espelho
Eu sorrio.

Quando me vejo assim nua
É em você que eu penso.

foto: Truewill

34 comentários:

José Doutel Coroado disse...

bonito...
abs

Camila Passatuto disse...

Esse perigo constante do outro em nós.

Helcio Maia disse...

O espelho inverte a nudez. E, mesmo assim espelhada, nua permanece.

Mulher na Polícia disse...

Oi querida,

José Saramago também dizia que o espelho e os sonhos são coisas semelhantes, é como a imagem do homem diante de si próprio.

: )

Ahhh, o amor (suspiros...)
Beijão pra você.

Gerana Damulakis disse...

Gostei disso; "Quando me vejo assim nua/ É em você que eu penso": duplo sentido...
Bacana.

Noé disse...

Quando o sol aparece,
Na minha janela
Eu fecho os olhos.

Penso em nós
Errei, mais uma vez,
E recomeço, de novo.
Parece a primeira vez
Assim é toda a minha vida.

E quando me espanto
Nem dobro meu joelho
Eu sorrio.

Quando me vejo assim, sua,
É de amar você, eu penso.

José Carlos Brandão disse...

Muito bom. A nudez encantada.
Beijo.

sam rock disse...

Walkyria, despojados de todo es como venimos al mundo. No es extraño que volvamos a la desnudez cuando la entrega es dichosa, por lo que ésta tiene de renacimiento.

Un fuerte abrazo

Tania regina Contreiras disse...

Dia que se levanta, olhos que se fecham...simultaneamente: quase um sonhar iluminado!
Abraços, Walkiria

betina moraes disse...

wal...

suave e sensual. muito bom!

eu fico esperando você postar os seus poemas de amor...

um beijo.

b disse...

Face - mulher - estrela da manhã.
Tão nítida você.
Coisas de uma amazona.

Jéssyca Carvalho disse...

Muito, muito lindo!
Esse espelho perigoso (e tão gostoso) que vive em nós...

Amei!

Um beijoO!*

César Sempere disse...

Me gusta.

Un beso,

Sylvio de Alencar. disse...

engraçado...
meus pensamentos e sentimentos devem estar de 'universalizando', transferindo-se para um nível melhor...

Poderia ter tido alguns sentimentos lendo a poesia, como: 'ciúme', 'inveja',
'concuspicência', nostalgia, saudade, carência, insatisfação (com minha atual solitude), e outros sentimentos com os quais (as vezes) vivemos.
Mas não; vizualizei, ao invés disso, outra coisa, outro fato: acordo (sem olhar pro meu corpitcho que tá meio redondo), com a sensação de que poderia estar com alguma interessante mulher que me faria ficar interessante também: mais brilhante, alegre, feliz, contente, enfins: com coisas adicionadas.

É bom a gente pensar que alguém teria todo esse poder, e que, mais do que ter, estar, dormir, e acordar perto da gente.

Essa poesia, eu poderia dedicar a ela..., a ela..., a ela..., e a algumas que vejo pelas calçadas, dentro de carros, por aí...

Dedicá-la a vc não, seria muita bandeira.
:P

Carol Morais disse...

[com. sem acentos]
Ai, Wal, que poema lindo!
Eu tenho tantas coisas para comentar sobre esse teu poema, tantas teorias malucas, ate pq estou acabando de ler "Alice no Pais do Espelho", de Carroll.
Mas, desistir de tantas divagacoes.
Eu amei teu poema pelo o que vc quis passar, pela tua entrega, pela Wal romantica. Pelo amor!
Lindo!
Um beijo

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

José Doutel

tão lindo mesmo.... nem temos palavras.
obrigada por vir me brindar com tua presença

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Camila
nossa, cada blog maravilhosos que vc tem.... vou voltar lá depois.

Olha, esse perigo do outro em nós, porque nunca sabemos a certo o efeito disso tudo, e se será tranquilo tirá-lo, no memento em qye isso for necessário. enfim..... os perigos da vida!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Mulher na polícia...
que citação mais adequada, é verdade, os olhsos do soutros são espelhos, também da nossa alma. Vai entender....

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

gerana
esse duplo sentido remete a todos os duplos que temos.... na verdade, nesse espelho, há o refelexo de séculos, eras.... nosso e do outro.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Noé
que leitura mansa, bonita, cehia de espernça e humanidade. errar, acertar, o que vale é sempre recomeçar.

Muito obrigada por ter dedicado seu tempo pra me dar esse presente.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

José carlos

sim, a nudez encanta, revela tudo, podemos nos desarmar e aceitar as coisas como são.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

é Roque
esse entrga sem pudores, do jeito que osmos, ela faz nascer e renascer.... e assim a vida tem mais cor, mais raça, é sempre nova.
beijo grande

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Tania
seus comments são novos poemas...
que graça ter vc comigo!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Betina...
é porque vc é uma ulher apaixonada... mas meus poemas são infantis, quase adolescentes... amor é uma coisa que sempre me interssou. Amor geral, à humanidade, às pessoas, a tudo enfim. Vc sabe.
Não que eu tenha chegado muito longe, mas caminho.
te gosto minha irmã

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Jessyca danadinha
espelho delicioso e perigoso...
e quem disse que trmos medo do perigo?
linda, obrigada pela presença

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

César
obrigada pela voltinha no céuAberto.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sylvius
vc abordou outro assunto, o de acordar ao lado de alguém. Vou te dizer que, pessoalmente, gosto de acordar sozinha e na minha cama....

e digo de novo
vc precisa encontrar jesus...tá muito agitadinho....hehehe

ou então uma namoradinha!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Carol
queria tanto ler as elocubrações sobre a Alice....adoro tuas elocubrações, preciso delas, se anima vai...

querida, adoro vcer tua carinha aqui, agora, bem safadinha.

betina moraes disse...

Sylvio de Alencar. disse...

O xente!
:(

Tá bom então:

Levantamos com a sensação de novidade dentro a gente...

O novo está entre a gente; sou eu, sou você. Me reconheço de novo toda manhã (e de fato, esse sentimento me acompanha pelo dia fora).

E quando me levanto
E me olho no espelho
Eu sorrio.

Quando me vejo assim nua
É em você que eu penso.


Tudo que vc quer está nele, até o que vê no espelho; principalmente isso: a imagem que vê cria um momento que: seu pensamento, é dele; e a imagem que vê, também.
Mas, você, é sua.


Vê se pára de me mandar procurar Jesus, já tá ficando chato fazer isso na frente desse povo todo!
(Na verdade, ando meio..., sei lá, agitado! Acho que é a Lua!)

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sylvius, adoro quando vc entra dentro de mim assim.... do teu jeito, com cuidado e esmero, que são tuas melhores qualidades.

Sim, a conquista desse momento, é ser de outra pessoa, sendo primeiro minha.

Oquei Sylvícola, vou parar de te mandar virar evangelista.

ou seria evangélico?

vc daria um ótimo evangelista sabe?

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

BB, quando vc mai me ensinar a fazer coraçãozinho?


Sylvio de Alencar. disse...

Cuidado, e esmero... Duas palavras importantes no trato com as pessoas...

Aleluia IRMÃ!!!!!!!!!
Venhaqui, vem! Sentaqui no colo do tio..., vamos falar do mundo dos esprítos!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Sylvícol
qua animação bró!


voltar pro céu