.

.

domingo, 12 de setembro de 2010

Leitora Crítica-Vai que é blog

.
Gentefina, poucos são os blogs que visito com verdadeira curiosidade, pois sempre eles têm o que me dar. É que eu sou muito chata, exigente, sentimental, (•♫♪ eu sou, eu sou demais♪♫•). Esse blog da Gerana, é um daqueles que meu PC vai de teclado fechado, sabicumé?
Olha a postagem que ela fez pro Ferreira Gullar: vai, fala se não é demais da conta, gentefina?
Segue aí só no Ctrl copy!

Gerana Damulakis

Uma homenagem...
porque sua poesia seguiu - e segue - lado a lado com o país desde o começo da segunda metade do século 20, porque sua poesia se fez surreal, se fez concreta, se fez neoconcreta, se fez crítica e continua sendo feita, porque seu "eu" lírico sente e versa a natureza, porque o poeta carrega também as cidades, não apenas a sua São Luís do Maranhão, mas o Rio de Janeiro, Buenos Aires, Santiago do Chile, porque Gullar vive o homem brasileiro, o homem latino-americano, porque hoje Ferreira Gullar completa 80 anos.

CANTIGA PARA NÃO MORRER

-----------------Ferreira Gullar

Quando você for se embora,
moça branca como a neve,
me leve.

Se acaso você não possa
me carregar pela mão,
menina branca de neve,
me leve no coração.

Se no coração não possa
por acaso me levar,
moça de sonho e de neve,
me leve no seu lembrar.

E se aí também não possa
por tanta coisa que leve
já viva em seu pensamento,
menina branca de neve,
me leve no esquecimento.


-----------in Dentro da noite veloz


Ilustração: Hélio Oiticica (1937-1980).

18 comentários:

betina moraes disse...

muito bonita postagem-homenagem, muito bonita...

ela é demais! eu te agradeço por ter me aproximado dela. foi aqui no céuAberto que passei a fazer o trio com vocês.

gerana tem a rara qualidade de ser leitora de verdade, quando nos comenta percebemos o real interesse pelo escrito... é difícil ser tão presente quando ela é e acho que não deve ser fácil manter a qualidade que ela conserva, tanto nas publicações quanto nas visitas que nos faz.

ela merece um vaiqueéblog diário!


você é um docinho de morango, iaiá querida.

um beijo.

Gi Freire disse...

Bem dito Walzinha, a Gerâna é grande!
bj querida

Gerana Damulakis disse...

Nossa, que honra e que emoção, assim eu desmonto...
Wal, vc é muito atenciosa e Fina (atentar na palavra). Estou ansiosa para nos encontrarmos, falta tão pouco, já comprei a passagem e já reservei meu hotel de sempre. Vou fazer surpresa!

Betina: sou eu quem deve ao Céu Aberto ter conhecido a pessoa e a poeta, ambas de primeiríssima.

G: conheço faz tempo, lá do Bar do Bardo, imensamente lírica, temos um gosto tão parecido para poetas e poemas.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

BB, Gi, Gerana....
olha só, vcs três aqui,
só vcs três, ainda,
que honra, que alegria
e que lindas....nossa,
faz muita coisa valer a pena.
Amei este encontro.....

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Geraninha.....num credito, vc vem pra sampa. Gerana, minha vida aqui é bem louca, pelamordedeus me diga que vc passa alguns dias, assim garanto te encontrar.
aaiiiiiiiiiiiiiii que delíicia!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gerana, só não entendi o Fina, e não Phina....hehehe

sam rock disse...

Gracias a Gerana por descubrirnos poetas tan sensibles como Ferreira Gullar, que demuestran que la poesía sigue siendo un universo infinito en donde se la vida y todo lo que la rodea tienen sentido.
Gracias Walkyria por tu generosidad.

Un fuerte abrazo

don vito disse...

hola bello blogg, bello poema, te encontré en un blogg común, si te gusta la poesía te invito al mio, será un placer, es,
http://ligerodeequipaje1875.blogspot.com/
muchas gracias, buen día, besos.

David disse...

Você também tem um site bonito? ... Obrigado pela sua visita, eu também me acostumar a tudo ea todas as meninas bonitas que eu vejo.
Besos

Carol Morais disse...

Meninaaa, como é que eu não seguia a Gerana antes?
Eu, simplesmente, AMEI.
Nossa, que tudo.

Brigada, Wal.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Roque,
fico super feliz com sua volta, estava fazendo falta a sua sensibilidade. Como foram aas férias?

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Don Vito
seja bem vindo!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

David
aqui tem meninas bem bonitas...fala sério
Bem vindo!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Carol.....vc não seguia a Gerana?

Então não se avexe e mande bala, todo dia tem coisa nova e boa pra gente. Beijão minha querida!

Manuel disse...

Gosto de visitar este Blogue porque vou, sempre, mais rico.
Maravilhosa nas escolhas, certa nas criticas e precisa nos temas que de forma tão criteriosa sabe escolher.
Continue, amiga, porque esta pobre blogosfera precisa de si.
Sou fã.

Dario Dariurtz disse...

Nossa! Conheci Ferreira Gullar atravez desse poema, tinha quinze anos de idade, fui assisti a um espetáculo de teatro chamado: Uma Branca Sombra Pálida, Baseado em um conto do mesmo nome da escritora Lygia Fagundes Telles. Desde então vivia as voltas procurando os escritos dele. Ele é um homem fora do tempo em que vive, estará sempre um passo à frente, passar por tantos momentos da história mantendo-se íntegro sem fazer concessões não é nada fácil... Adorei Teu blog, é de um bom gosto e tanto, fico feliz em estar por perto. Prazer... Dariurtz. Beijo.

CLEOIORI disse...

OLÁ AMIGA,OBRIGADO POR ME SEGUIR SEJA BEM -VINDA AO MEU CANTINHO.
JÁ CONHECIA, O FERREIRA GULLAR.
SEMPRE FUI FÃ, DE SUAS POESIAS E POEMAS, MAS É COMO NASCER DE NOVO, QUANDO VEMOS ALGO TÃO BOM SENDO PUBLICADO E LEVADO AO CONHECIMENTO DE TODOS.
DANDO A OPORTUNIDADES AOS LEITORES CONHECER, E AOS QUE JÁ CONHECEM, MATAR A SAUDADE DE TEXTOS MARAVILHOSOS.
UM GRANDE ABRAÇO
AMIGA CLEO

Sylvio de Alencar. disse...

Gosto imensamente deste poeta. É um homem que fala bem, é consciente de si e do que - e de quem - o cerca.

Abrçs.

PV: rusner.
A pessoa que posa muito é um poser, né?
Então, a que rosna... Eu era meio rusner, melhorei muito de uns tempos pra cá!


voltar pro céu