.

.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Tudo e Nada

.
.
Todas as noites e seus avessos
Todas as pessoas e suas histórias
Todas as horas e recomeços
Todas as coisas
E o que resta delas eternamente:
É isso que eu sinto.

foto:WalkyriaSuleiman

13 comentários:

Leonardo B. disse...

[pressinto palavras de tanta pele, resgatadas ao mundo, no interior dum cristal; sinto o reflexo do papel]

um imenso abraço, Walkyria
com saudade

Leonardo B.

milu disse...

Noites, pessoas, horas, recomeços, coisas, tudo isto eu sinto quando venho aqui....Bjs...saudades,,,,

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Leonardo
meu querido
tão bom ter suas palavras me revelando....

Tanta pele e tanto mar.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Milu

vc sente pq é disso que somos feitas, todas as camadas, todas as peles, e os anos que nos circundam, as pessoas..... as coisas.
Milu, que bom que vc está aqui nessa viagem junto comigo.

Artes e escritas disse...

Um diamante pode ser tudo e nada ao mesmo tempo e depende de quem o vê. Um abraço, Yayá.

marlene edir severino disse...

E o nada
pode ser tudo, Walkyria!

As possibilidades são infinitas.

Beijo, querida!

placco araujo disse...

Minha doce Walkyria.. (não estranhes.... )
Sou u homen das imagens, do conjunto..
E aí fico vendo esta tela ininterrupta do flikr à minha direita, e vejo esta criaturinha se transformando nesta mulher, que às vezes só quer ser a criaturinha..

Quando podemos nos deixar ser simplesmente aquela criança feliz, sorridente, das primeiras fotos?

Não sei quem te colocou em meu caminho, mas VAI TER QUE ME ENGOLIR!!!

Não vou descansar, enquanto não decifrar este enigma..

(quem mandou brigar com a anta do caixa???)

Beijos, menina..

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Yayá
seus olhos e coração sempre preferem descobrir diamantes, eu sei..... vc é linda.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Marlene
gosto quando tomo esse banho de graça e otimismo. O mundo precisa de gente como vc.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Placco
"Quando podemos nos deixar ser simplesmente aquela criança feliz, sorridente, das primeiras fotos?"

Sabe edson, eu me pergunto isso em muitas ocasiões. Não sei muito bem quando mudei várias coisas em mim. E sabe, tenho saudades de mim mesmo.

Não sei quem te colocou no meu caminho, mas seja quem for, eu agradeço, porque gosto muito de vc. Vc soube se fazer necessário.

Sabicumé?

Sonhadora disse...

Minha querida

Hoje passando para oferecer o meu selinho de 2 anos de blogue, feito com o carinho das vossas palavras e com a amizade dos vossos comentários, que me enchem o coração de calor.

Beijinhos
Rosa

Francisco disse...

É tão difícil hoje em dia encontrarmos alguém que "sinta" realmente, coisas, fatos, pessoas, aromas, vozes, e principalmente, o coração do outro...!
Um beijo grande!

Paulo Francisco disse...

Este texto tem cheiro de flores-de-campo.
Um beijo grande


voltar pro céu